Words | Sobre uma garota que não se importava com culotes que saltavam de sua calça jeans

" Você é preguiçosa e acomodada."
" Você não serve pra mim"
"Ah, você é amiga..."

O problema não está na frase e sim na conotação. Era só observar na carinha do ser que pronunciava uma dessas frases que ela entendia que queria dizer "Você é gorda!
Ela vivia vendo aquelas frases do tipo ''emagreça e seja feliz" mas peraí, quem disse que ela NÃO ERA FELIZ?
" Você é tão bonita!... De rosto..."
De rosto? Meu caro, você não viu o coração dessa garota. E a inteligência? ha-ha, não caberia naquela calça 46 que ela usava!
Cada vez que escutava um "Se você perder alguns quilos, vai ficar tão linda!", ela entende como um " Se ame mais! Você vai se sentir melhor". Ou quando alguém soltava aquela dica infalível do "Já pensou em emagrecer? Tenho uma receita maravilhosa..." E ela traduzia automaticamente para um " Você já pensou seriamente em ser mais feliz e cuidar da sua própria vida? Não?! Tenho uma receita infalível pra começar a ser feliz agora: se ame!"
Certa vez um cara de seu círculo de amigos, do qual ela gostava tanto, se aproximou, todo cheio de boas intenções: "Você é uma pessoa maravilhosa! Pode ter o que e quem quiser aos seus pés! Além disso é uma mulher talentosa, linda e inteligente..."
A essas alturas ela estava nas alturas! Pensando "alguém que finalmente entende como eu realmente sou sem ver o exterior! Sem querer encher o saco por causa dos meus quilos a mais" 
Aí o rapaz continuou: "...A única coisa que te falta é força de vontade para emagrecer. Com um pouco de vontade você vai ser muito feliz!", virou as costas e saiu como se tivesse realizado o melhor sermão de todos e a ajudado.
Mas o que ele teria deixado para trás seria uma garota com um coração mais frio. 
Não com ela! Ela tinha plena noção de que sua felicidade não dependia de uns quilos a menos. Tinha certeza de que para as pessoas certas, seu sorriso valia mais do que um culotezinho pulando pela lateral da calça. 
E então ela continuou sua vida comendo o que queria, paquerando quem merecesse e se deleitando na cama sem medo. 
Enquanto que aquelas pessoinhas que a julgavam, continuaram com suas vidas mesquinhas de achar defeitos nas outras. 

You Might Also Like

12 comentários

  1. Achei que isso, esse texto é lindo, tudo isso é lindo ♥ Feio, mesmo, é dizer/falar mal das pessoas, achar em pequenos detalhes, como um "Querida, eu uso 36, você 40, se toca e não fala mais comigo, ok? Desculpa mas é verdade" e de repente vem um ser e diz "LOL", mas eu sempre digo, sempre vou repetir, "não se julga o livro pela capa, sim pelo conteúdo" mas é a mesma coisa para o ser humano, "não se julga a pessoa pela aparência, mas pela pessoa em si "! O que adianta ser falsa, mas magra? O que adianta viver muito, e acabar sozinho porque falou daquela "gordinha" que hoje, e amanha podia ser sua amiga? Porque falar de todos se você mesmo sente falta de um ""Hamburguer", porque não parar de falar dos outros, e viver sua vida, feliz. Adorei a postagem e seguindo!

    Beijos http://valentinices.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pior que isso acontece mais em época de escola D:
      Na vida adulta as pessoas viram apenas fofoqueiras, continuam falsas falando com os outros por interesse D:

      Excluir
  2. Acho que as pessoas deveriam olhar mais para o que está dentro, corpo/rosto bonito a gente encontra em qualquer lugar. Mas um coração bondoso hoje em dia é bastante complicado. Cresci ouvindo minha mãe disser "Olhe o que a pessoa tem por dentro, não por fora." :D Amei o texto.
    Beijão
    Jardim de primavera

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sua mã deve ser una mãe mara <3
      Por que esse deveria ser o conselho para todos.

      Excluir
  3. Huall Bela, realmente esse texto serve para dar um tapa na cara de muitos.
    Beijos.
    Blog GuriasGata

    ResponderExcluir
  4. Isso mesmo, Bela! Essas frases recheadas de preconceito com o ar de elogio ou desculpa furada nada mais são do que um ataque ¬¬.
    Adorei seu texto <3

    Faroeste Manolo
    Página Facebook

    ResponderExcluir
  5. Concordo com você, as pessoas tem o direito de usar o que querem, não importa o peso. Amei seu texto.
    Beijos,
    http://o-hyeah.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Amei! Ultimamente venho achando vários textos estilo esse seu, sambando na cara de quem caga regra e acha que as pessoas só são felizes se forem magras. Adooooro <3
    Tá certíssima! Além do mais pessoas que vem dar esse tipo de conselho não tem a menor vergonha na cara né? Se cada um olhasse pro próprio umbigo a vida seria tão melhor..
    Bjão

    ResponderExcluir
  7. Ultimamente as pessoas estão se amando mais <3

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita!
Sempre respondo os comentários, visito os blogs de volta e lá, mando novamente a resposta do que foi dito aqui.

Siga também | FB Page A Bela, não a Fera|